/*SLIDES ----------------------------------------------- */

news

Clube na orla de Furnas

No dia seguinte, partimos rumo ao supermercado. Fomos fazer compras para um churrasquinho no clube da cidade. Pegamos um quiosque e passamos um dia lá.



Que dia agradável, pelo valor da entrada (R$25,00), compensa muito visitar o clube. Ele tem 3 piscinas (uma é térmica), quadras e mais outras coisas que não “degustamos”... Ficamos mesmo na piscina e no quiosque  e gostamos de mais.

O clube não é um local de luxo, até porque, Guapé ainda não é bem uma cidade turística, mas se eles oferecessem aulas de jet ski ali, acho que atrairia bons frutos ($$) para a infra do estabelecimento.

Foi no meio dessa bebedeira que descobrimos que a faixa de terra vermelha que circunda o lago vai ficar por um bom tempo (a grama vai demora muito a crescer). Isso foi porque perguntamos o porquê de o clube não construir mais quiosques na beira do lago. A resposta é porque aquela área toda pertence a Furnas. Ninguém tem autorização de construir nada naquele lugar...

E descobrimos ainda que a água do lago chegava na altura do quiosque e que no quiosque que estávamos tinha até um trampolim para as pessoas pularem na água... eu simplesmente fiquei chocada com isso. A água já tinha baixado muito mais do que eu imaginei... muito mais mesmo, vocês só conseguiam entender isso quando forem lá ver. Mas nessa foto abaixo da para vocês terem noção da altura que a água vinha e que hoje é ocupada por uma esmirrada graminha.


A noite fomos comer pizza, mas se tivéssemos mais informações sobre o local, tínhamos ido para o bar da Marina Terramare, que fica para uma próxima visita. Línguas disseram que lá é ótimo (tanto que coloquei na programação para vocês).


Voltar

Nenhum comentário:

Postar um comentário